Episódios Perdidos
(Detalhados)

1- A Cruz Vermelha - (com "Seu Madruga") - Seu Madruga é ameaçado pelo Sr. Barriga de despejo e, amedrontado, resolve se fingir de louco para não ter que pagar o aluguel. Ao mesmo tempo, Chaves acha que quem está louco é o Sr. Barriga e, no final, ele e o Kiko, que acredita que Seu Madruga esteja mesmo louco, decidem molhar os dois ao mesmo tempo. Só que isso pode provocar uma tremenda confusão na vila.

2- O Chapéu do Patrão - Seu Madruga resolve dar um presente para o seu patrão. Escolhe dar-lhe um chapéu. Só que, por acaso, Chaves acaba pegando-o e gruda, sem querer querendo, um chiclete no tal do chapéu, que era novinho em folha. Kiko dá a idéia de cortar o pedaço em que estava o chiclete com uma tesoura, só que o buraco não ficou lá tão pequeno quanto esperavam. No final, eles descobrem que aquele não era o chapéu do patrão do Seu Madruga, e sim, o chapéu do Prof. Girafales, que o tinha esquecido na casa de Dona Florinda.

3- Santa Ignorância! - (com o "Kiko" e "Seu Madruga") - Este episódio tem uma coisa inédita no Brasil: ele conta com a presença de três personagens 'novas', uma, coincidentemente é apenas citada no episódio do desenho dos meninos Kiko e Chaves, e se chama Elisabeth. As outras personagens chamam-se "Cândida" e "Malicha", que é afilhada do Seu Madruga. Inclusive, ela "substituiu" a Chiquinha em vários episódios, que aqui nunca foram exibidos. Esse episódio é igual àquele das pérolas, exibido atualmente no Brasil, a única diferença é que, no final, ninguém responde à tal pergunta sobre as pérolas e, Pópis chama a dona Florinda, que quando entra na sala de aula, dá de cara com o professor e os dois ficam com aquela cara de "cachorro manso". Enquanto isso, as crianças fazem a maior bagunça e, deste modo, o episódio acaba.

4- Sr. Barriga apaixonado - 2ª versão - Estranhamente, ninguém, nos sites sobre Chaves de hoje em dia, fala sobre este episódio. Ele era exibido até cinco anos atrás. Sr. Barriga vê um bilhete que estava em cima da mesa da casa do Seu Madruga, e, nele, continha uma declaração de amor, escrita por dona Clotilde, para o Seu Madruga. Por estar ao lado de outro bilhete, escrito por ela, também, dizendo que "não poderia pagar o aluguel", ele acaba achando que os dois bilhetes são para ele, e acha que quem os escreveu foi a dona Florinda. A única diferença que contém no episódio, pelo que eu me lembre, é que ao invés do Sr. Barriga tirar uma escova de sua maleta, ele tira um pente fininho, de cor bege. E há mais um mistério envolvido neste episódio: apesar de ser uma segunda versão, ele também não conta com a presença de "Chiquinha" nem do "Seu Madruga". Mas pode haver uma explicação para isto: Ramón Valdez, o Seu Madruga, podia estar doente naquele dia, e, Chiquinha poderia estar grávida e, por isso, se afastou da série por algum tempo, e, por isso, resolveram fazer este episódio novamente, já que ele não precisava da participação de nenhum dos dois atores.

5- O Radinho do Kiko - Kiko ganha um mini-rádio de presente. Como antes ele fora expulso de sua casa, no momento em que estava vendo uma partida de futebol, resolve escutar essa partida pelo rádio. Mas Chaves toma o rádio de sua mão e, de birra, o atira longe, e como Kiko estava com a boca aberta, acaba engolindo o radinho. No final, Chiquinha conta que o médico bateu bem forte nas costas de Kiko, e o radinho acabou saindo. Conta, também, que tinha um mini-despertador e que, irritada com Kiko, jogou ele bem longe. Após dizer isso, aparece a cara de Kiko, que abre a boca e de dentro dela sai um som de despertador tocando.

6- Seu Madroga - Seu Madroga é o primo de Seu Madruga. Provavelmente, inventaram essa idéia quando o ator Ramón Valdez estava ausente nas gravações do programa. Nessa história, os meninos Chaves, Kiko e Nhonho resolvem brincar de esconde-esconde. Seu Madroga traz uma caixa de madeira vazia do outro pátio e diz que vai usá-la, pois alguém está para se mudar e ele pretende ajudar essa pessoa. Porém, Kiko, quando vê a caixa, pensa: "que bom esconderijo", e se enfia dentro dela. Logo depois, Madroga vem e prega a caixa, prendendo o Kiko. Dona Florinda vê isso e desconta no pobre homem, que na verdade, não tinha culpa de nada.

7- A Sobrinha da Dona Clotilde (sem Chiquinha) - Essa versão é completamente da que passa recentemente no SBT. A coisa mais diferente que existe entre as versões é que quem leva pra casa a cesta com a menina é o próprio seu Madruga! Mas tem explicação, para ele não ter percebido o engano: primeiro de tudo, é que ele nem olha pra cesta. Além disso, ele estava distraído, usando a sua loção francesa, dada pela dona Clotilde, mas isso vocês já conhecem, não é mesmo? Espero que gostem das fotos.

8- O Marinheiro Enjoado (com Ramon Valdez e Carlos Villagran) - O episódio é exatamente igual àquele que exibiram no "Clube do Chaves". Aliás, este episódio era exibido até pouco tempo no SBT, em que dona Florinda é uma paqueradora, que tenta se dar bem com qualquer homem presente no barco, exceto com o comandante, o Sr. Ramón. Quem ela mais paquera neste episódio é o Sr. Carlos (passageiro). A única diferença entre as versões é que na mais antiga, Florinda diz que mora na Rua Das Flores, número 25, e que o seu número de telefone é: "525-25-25". Na versão mais recente, Maria Antonieta diz que seu número de telefone é: "555-55-55".

09- O Filme de Terror (com Seu Madruga) (inédito no Brasil!!) O episódio é apenas um pouco diferente do que passa aqui. Este episódio é daquela época do Seu Madruga leiteiro, de 1972. Inclusive, pelo que me pareceu, este foi o último episódio com a participação da Chiquinha deste ano, pois, a América TV, emissora onde eu vi o episódio, exibe os capítulos na ordem, e, logo depois desse, exibiram o da Sobrinha da Dona Clotilde, que já não tem a personagem.